Descolamento da Retina

  • O que é descolamento da retina?

    A retina localiza-se na parte mais posterior do globo ocular, apresentando mais de cem milhões de células fotorreceptoras, com a finalidade de captar a luz, transformá-la em impulsos nervosos e, assim, formar a visão. Se compararmos o olho a uma máquina fotográfica, a retina seria o filme fotográfico, na qual a imagem se produz. No descolamento de retina, existe a separação das camadas fotossensíveis, de suporte e nutrição, seja por tração ou infiltração de líquido.

    Olho perfeito

    Olho com descolamento da retina

  • Quais os sinais do surgimento do descolamento da retina?

    Embora não sejam exclusivos do descolamento de retina, geralmente o paciente percebe flashes de luz, manchas escuras em movimento (também conhecidas como moscas volantes) e ou perda parcial ou total de seu campo de visão.

    Visão perfeita

    Com descolamento da retina

  • Quais as causas?

    A separação das camadas da retina pode estar associada à presença de roturas  (associadas ou não a traumatismos), enfermidades em que haja tração do vítreo (gelatina que existe dentro do olho), a doenças inflamatórias ou a tumores.

    Pacientes com histórico familiar, miopia e diabéticos são mais propensos a ter esse tipo de doença.

  • Tratamento disponível.

    O descolamento de retina, se não tratado imediatamente, leva à perda da visão, e seu resultado está diretamente relacionado à causa, à localização, ao tamanho da área afetada e ao tempo de evolução. Portanto, o oftalmologista deve ser consultado o mais breve possível.
    O tratamento inclui, desde a utilização de laser (para descolamentos pequenos e muito recentes) até várias técnicas cirúrgicas especificas para cada caso (com ou sem o uso de laser).

    Às vezes, pode ser necessária mais de uma cirurgia. O paciente deve seguir, rigorosamente, a orientação do médico, quanto ao uso correto da medicação, repouso e posições específicas da cabeça, quando necessário.